Buscar
  • One Branding

O estilo de vida dos millennials

Se você é da geração que nasceu entre 1981 e 1995, provavelmente vai se identificar com esse blogpost! Mas calma, caso não se encaixe nesses anos, fica de olho nas coisas que vamos te contar. Apesar de serem adultos hoje, eles cresceram em um ambiente de rápidas mudanças tecnológicas, globalização e transformações econômicas. Isso traz para essa geração um conjunto de comportamentos e experiências diferentes das gerações anteriores, como seus pais, por exemplo.


Ilustração libbyvanderploeg.com


Na vida pessoal, segundo uma pesquisa da Linx, os Millennials demoraram mais para se casar, bem como para sair de casa. Isso não significa necessariamente que não tenham o desejo de se casar e ter casa própria, mas sim uma mudança de atitudes e prioridades. Além disso, valorizam a economia e o uso compartilhado de recursos, ou seja, trazem consigo uma mudança no estilo de consumo.


Sendo a primeira geração de nativos digitais, a afinidade que os Millennials têm com a tecnologia influencia a maneira como eles compram e consomem. O acesso instantâneo a preços, comparações e informações de produtos são grandes aliados tanto deles quanto da utilização dos varejistas. Outro comportamento fortemente presente é a dedicação ao bem-estar, gastando tempo e dinheiro para malhar, comer bem e pesquisar benefícios para a saúde. O estilo de vida mais ativo influencia as mudanças de hábitos em tudo, desde comida e bebida até moda.


Junto com a geração do milênio, surgem algumas das tendências, como por exemplo os microapartamentos. Em um estudo da WGSN, essa é a geração do aluguel, do minimalismo e do desapego. Com uma média de três anos de permanência dentro de uma empresa, seu foco é gastar menos em todos os sentidos. Eles vivem em cidades metropolitanas, já que estão formando suas carreiras, e consequentemente tem um custo de vida mais caro. Móveis funcionais, lazer em casa, ter coisas fáceis de limpar e comer em casa são coisas primordiais para eles.


Outra coisa apontada pelo estudo é que esses são o que podemos chamar de pais de pet e pais de plantas, seguindo na mesma linha do ter coisas práticas e funcionais, mas que tragam conforto e felicidade dentro de casa. Já em relação aos hábitos de consumo, essa é a geração que começa a apostar em novas marcas e prioriza aquelas que se posicionam ou apoiam alguma determinada causa.


A geração Millennials entende o consumo de forma diferente. Por estar conectado e engajado, a forma de usufruir dos benefícios tecnológicos funciona de forma mais orgânica e natural. A conexão com a internet passa a ser um item de necessidade básica, as dúvidas tornam-se rotineiras e inseridas no cotidiano e as opiniões pessoais são amplamente divulgadas e comentadas. Assim, a forma como as marcas se relacionam com seu público deve ser decidida com cautela, para evitar atritos e conflitos desnecessários que podem transformar a imagem da empresa.


Desta forma, essa é uma geração que tem participado de muitas transformações importantes (desde diferentes formas de comunicação e uso de tecnologia, até mudanças nos hábitos de família, educação e carreira) e que têm inspirado o movimento de muitas empresas a desenvolver alternativas e criar novas formas de engajamento para a abordagem desses jovens. O importante é ficar atento às tendências e inovar constantemente de acordo com as mudanças de hábito e consumo.





19 visualizações

© 2019 By @ONEBRANDING

Rua Frei Caneca, 1407 - Consolação,

São Paulo - SP, Brasil