Buscar
  • criacao534

trend consumer 2021

Se tem uma coisa que aprendemos em 2020 é que fica quase impossível se planejar e prever o que está por vir. No entanto, existem tendências e temas em andamento e revisar seu plano de inovação de marketing digital, tecnologia e plataformas para o ano que chega pode ajudar a identificar novas oportunidades que empresas ágeis e profissionais de marketing podem aproveitar.



Imagem: Forbes


Pressão verde


Sustentabilidade não é mais um bônus, é pré-requisito. Antigamente, as empresas com selos de responsabilidade ambiental ou que eram transparentes quanto ao seus processos produtivos, se destacavam no mercado apenas com essas ações e, assim, ganhavam a fidelidade de muitos consumidores.

O também chamado de marketing verde é o processo de promoção de produtos ou serviços com base em seus benefícios ambientais. Esses produtos ou serviços podem ser ecologicamente corretos por si próprios ou produzidos de maneira ambientalmente correta.


Bots


Chatbots, comandos por voz, otimização de vendas, vendedores virtuais e muitas outras tecnologias já são quase uma obrigatoriedade para marcas que querem ter sucesso online. Uma das coisas que vem mudando é o relacionamento pessoal com as marcas. A grande transformação do marketing outbound para o marketing inbound altamente personalizado já consolida uma interação diferente entre cliente e marca.

Um robô consegue, por exemplo, ler, codificar e responder textos curtos, melhorar seu SEO a partir da voz, rastrear o envio de e-mails e até estudar os hábitos de visitantes de determinados websites. Já em e-commerce, eles podem até finalizar pedidos de produtos, ao atuar como vendedores.


Personificação

O marketing personalizado é a implementação de uma estratégia pela qual as empresas entregam conteúdo individualizado aos destinatários por meio da coleta de dados, análise e uso de tecnologia de automação. O objetivo do marketing personalizado é realmente envolver os clientes ou clientes em potencial, comunicando-se com cada um individualmente.

Os clientes esperam ofertas mais alinhadas com o que consomem. O marketing personalizado tornou-se possível quando os profissionais de marketing perceberam o poder dos dados. Transformar pequenos registros diários em informações foi o grande avanço do marketing nos últimos anos.


Comunidade de marca

A criação de uma comunidade de marca vem sendo vista como uma ferramenta tão poderosa, que as marcas estão investindo nessa estratégia e extrapolando as redes sociais. Dessa forma, além das páginas oficiais em redes, as empresas também estão criando os seus próprios canais de comunicação com os consumidores.

Podemos observar que o sentimento de grupo e coletividade está cada vez mais presente nos consumidores. Uma comunidade de marca bem estruturada é aquela que investe além do que está sendo vendido e que os clientes querem se tornar parte da própria marca. Para que uma seja eficaz, ela precisa ter membros, portanto, logicamente, as mais eficazes são aquelas que se destacam em mostrar aos clientes o valor de pertencer a elas.


Big data

Em marketing, big data consiste em reunir, analisar e usar grandes quantidades de informações digitais para melhorar as operações de negócios. Ela pode ser em: Publicidade direcionada, Compreender a jornada de decisão do cliente, Conteúdo e vendabilidade, Experiência personalizada e CRM (para modelagem preditiva, análise de mercado e compreensão do cliente).

O principal desafio é que a Big Data apresenta um vasto mar de oportunidades para as empresas otimizarem suas estratégias de marketing. No entanto, a utilização eficaz de big data depende de um conhecimento avançado de ferramentas e práticas analíticas. Portanto, é de grande importância que as empresas invistam na qualificação de seu pessoal de marketing.


Interatividade

O conteúdo interativo oferece aos profissionais de marketing uma maneira de envolver seu público com experiências de qualidade que capturam percepções e fornecem informações úteis. Por meio de respostas de questionários ou avaliações e envolvimento de conteúdo, os profissionais de marketing podem avaliar as preferências do usuário e determinar o que os manteve na página.

O conteúdo interativo permite que os usuários o personalizem e participem. Além disso, ele gera dados de público primários. Os consumidores que acessam e personalizam uma experiência interativa normalmente devem compartilhar informações pessoais, assim você obtém insights diretos sobre seus interesses, preferências e comportamentos.


E aí, concorda com as nossas apostas? Lembre-se de que é interessante rever sua estratégia de tempos e tempos para se atualizar com as novas oportunidades que surgem no mercado.


1 visualização0 comentário

© 2019 By @ONEBRANDING

Rua Frei Caneca, 1407 - Consolação,

São Paulo - SP, Brasil